17 de abr de 2010

Esclerosada, eu?

 Ontem a tarde, depois do cinema, olhem só quanta vagabundagem, sentei no café do club com minhas queridíssimas irmãs Prandini e o Chico, casado com a Leila. Foi super divertido, rimos muito e eu contei pra ele, acho que pela primeira vez nessa década, há 20 anos já tinha contado e ele não lembrava, depois dizem que eu sou velha, que ele tinha estudado no liceu Eduardo Prado com a minha melhor amiga, Dora, com a Zélia Cardoso de Melo e que nós tínhamos assistido Roda Viva juntos. Ele ficou embasbacado com minha memória. Oh!!! mas isso foi em 67, 68, pois é, foi ,e eu me lembro como se tivesse sido ontem. Me lembro até do esquenta que fizemos num prédio na alameda Casa Branca, casa de uma das meninas. Uau!! que memória, e bla bla blá bla , beijos até amanhã e fomos embora. Sai de lá, passei na casa da Carminha esperando Luís Augusto que ia me buscar e contei pra ela essa história, daí, fomos além nas nossas lembranças da segunda metade do século passado. Como nós estamos bem, que memória boa, vamos demorar pra ficarmos esclerosadas, que bom! Pois não é que hoje, fui num monte de lugares e acabei o dia na casa da minha mãe onde, para minha surpresa e alegria, apareceu o André, meu filho que vejo pouquíssimo. Conversa vai conversa vem, ele fala de um primo. Póimmm levei um soco no peito. Esqueci do aniversário dos filhos da Maria Teresa, querida sobrinha, na verdade do meu marido, mas que eu amo tanto como se fosse minha. Como eu pude esquecer? Quase tive um troço, sai da casa da minha mãe correndo e vim pra casa pra ligar pra ela. Meu marido também quase enfartou de novo por ter esquecido. Liguei e falei a verdade - eu esqueci completamente. Quem falou que a esclerose não ia me pegar? Pois é.
Beijos

5 comentários:

Anônimo disse...

Pituca, como é que pode eu ter perdido você por tanto tampo???
Como é que pode????!!!!!
Como eu faço pra voltar a lavanca do tempo???
É maravilhoso ler tudo que você escreve!
Beijossss
Celia

ieda disse...

Foi só uma distração com tanta conversa do passado.rsrsrrs e se o pajsssado foi bacana ainda melhor.b

Léo Coutinho disse...

O Bob Coutinho me contou uma boa, Pituca:
Um casal de velhinhos está na sala de TV. A mulher se levanta e diz que vai a cozinha. O marido pede chá com torradas. Ela diz OK. Ele pergunta se não é melhor anotar. Ela diz que não, que está bem, e sai. Dali a pouco volta com dois ovos fritos. E ele: - Não falei que você ia esquecer do bacon?
Beijos gordos,
Léo

sô. disse...

Pois então, reitero meus dizeres.
Há pessoas que tem aptidão para 'exatas'...Outras, para 'HUMANAS'.
Meras datas, impostas sei lá por quem, são tãããão ínfimas diante de um TODO HUMANITÁRIO, não?? rs.
bjão
Sô.{raya}

Leila disse...

Pituca querida,
Vc é o máximo!!!!!!!!!!
Seu blog é tudo de bom!!
Eu e Chico voltamos pra casa comentando sobre o papo do colégio, etc...et...
Delícia relembrar!!
Ele realmente ficou impressionado com sua memória!!
Prandini 1
bjs