23 de fev de 2011

Ecos de uma campanha

Como já contei uma porção de vezes fui Ouvidora na Campanha Serra-Geraldo . Para não desdizer minha fama de louca, repito que é um trabalho que adoro, apesar de ser hiper desgastante. São 40, 50 telefonemas por dia, milhões de e-mails e de cartas.  Apesar de reclamar e reclamar, fiz com tanto prazer que um dia recebi a visita de um senhor que gostando da minha carta resposta foi me conhecer. Já falei dele, da emoção que senti com suas histórias e especialmente por uma poesia que ele me deixou publicar no Depois dessa será eu aguento me aposentar? Acabada a campanha, retomei minha vida, viajei e, um belo dia recebo um telefonema do Dr. Carlino Nastari. Imaginem só a minha surpresa. Meses depois ainda se lembrava de mim e tinha meu telefone. Um familiar dele achou por acaso a poesia publicada, comentou com ele que me ligou, e,para minha surpresa, agradecendo e pedindo uma correção. Como não tenho fax, ele me mandou pelo correio que acaba de ser entregue. A correção já foi feita, cada vez mais eu acho esta poesia sensível e bonita.

P.S Já tinha postado e publicado  quando vi que o link não funcionava., resolvi entao publicar de novo neste post. Ai ai que falta me faz 20 anos a menos.

  ORAÇÃO
Pagando uma dívida de vida
Devida era uma oração da vida.
Na vida, a cada instante, busco o encanto
Quero rir com liberdade, na tristeza conter meu pranto.
No trabalho, ainda agora busco alegria.
No lazer, ouvindo clássicos, encontro a paz que me sorria.
Reverencio o sol que me traz alento
Cultivo flores em meu pensamento.
Com os olhos neblinadoa,aprender e esnsinar é um mandamento.
Dividir o pão,perdoar e ajudar sempre,é um juramento
Quando de repente me procure a morte.
Viajarão comigo meus sonhos, meus amores e minha sorte.
Na grande viajem, o silencio à espreita,
O funil da vida se esvai por vereda estreita.
Aos meus pais que do amor fizeram sublime alimento.
A energia da vida se esvai por vereda estreita
Com minha amada, por setenta anos, fui feliz, toda noite, todo dia.
Ao Creador, reverente, mil graças por mais um dia
CARLINO NASTARI

Nenhum comentário: